Notícia LCS Advogados

Por não saber onde está propina, STJ mantém prisão de Cabral


Uma vez que cerca de R$ 7 milhões que o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (PMDB) teria recebido de suborno ainda não foram localizados, a 5ª Turma do Superior Tribunal de Justiça entendeu ser justificada a manutenção de sua prisão preventiva e negou recurso em Habeas Corpus interposto…
Fonte: Conjur